Viva bem Sorrindo

Kind words can be short and easy to speak, but their echoes are truly endless. Avada Health focuses on you as if it was our own family.

HORÁRIO DA CLÍNICA

Segunda – Sexta 9:00 – 12:30
14:00 – 20:30
Sábado 9:00 – 13:00

 +351 224 030 435
 +351 912 068 788

Welcome to Avada Health

Sed ut perspiciatis unde omnis iste natus error sit voluptatem accusantium doloremque laudantium, totam rem aperiam, eaque ipsa quae ab illo

DRA MÓNICA DIAS

Direcção Clínica

  • Licenciatura em Medicina Dentária pela Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade Fernando Pessoa
  • Curso de Soluções Avançadas em Medicina Dentária (Estética) – Orto-P
  • I Curso de Medicina Legal para Médicos Dentistas – Faculdade de Medicina Dentária da universidade do Porto
  • Estágio Pós-Académico no Centre Dentaire B1 (Bulle) – Suiça
  • Pós-Graduação em Cirurgia Oral Avançada – Universidad de Ciencias Médicas de Ciudad de la Habana (Facultad de Estomatología) – Cuba
  • Pós-Graduação em Clínica Integrada “Curso de Especialização em Clínica Integrada” – Faculdade de Medicina Dentária da Universidade do Porto
  • Pós-Graduação em Implantologia e Reabilitação Oral pelo Centro Europeu de Implantologia – Porto
  • Master em Implantologia e Reabilitação Oral pela ESORIB (European School of Oral Rehabilitation Implantology and Biomaterials) – Valência, Espanha
  • Curso de Técnicas de Elevação do Seio Maxilar, pelo Centro Europeu de Implantologia e Reabilitação Oral – Porto
  • Convidada a Integrar e Orientar a equipa de Reabilitação Oral nas clínicas Dr. Denial Zecevic, Romont (Suiça) e Dr. Tofel-Kanalik, Bulle (Suiça) por um período de um ano.
  • Publicação de Poster, autora de um projeto de investigação e congressista em 2009 no Congresso Anual da SPEMD (Sociedade Portuguesa de Estomatologia e Medicina Dentária)
  • Participação em cursos de fim de dia, congressos nacionais e internacionais
  • Aluna do curso de Iniciação à hipnose clínica – London College of Clynical Hypnosis
  • Fluente em quatro línguas: Português, Francês, Inglês e Espanhol

TRATAMENTOS

Descubra os tratamentos e serviços que temos para si

A cirurgia oral é a área da medicina dentária que se dedica ao diagnóstico e tratamento cirúrgico das doenças, lesões e anomalias dos dentes, boca, maxilares e estruturas anexas.

O campo de actuação da cirurgia oral é muito extenso, incluindo, entre outros os seguintes actos: exodontias (extracção de dentes inclusos ou presentes na arcada), cirurgia endodôntica(realizada quando, por diversos motivos, o tratamento endodôntico não é bem sucedido), cirurgia de patologia quística ou tumoral, cirurgia periodontal, implantologia, cirurgia pré-protética (preparação da boca para que seja colocada uma prótese), cirurgia de lesões infecciosas e traumatologia oral.

Sendo uma das áreas mais abrangentes da Medicina Dentária é a que tem como objetivo o diagnóstico, prevenção e tratamento cirúrgico das patologias orais, traumatismos e deformações dos tecidos moles e duros da cabeça e da cavidade oral.

Fonte: Ordem dos Médicos Dentistas

Os implantes dentários são “raízes artificiais” utilizadas para substituir os dentes ausentes ou perdidos com o objectivo de suportar uma coroa e/ou prótese.

Os implantes estabelecem, uma vez colocados em contacto com o osso, uma união biológica com o mesmo, perfeitamente saudável e estável.

Os implantes devem ser entendidos como mais uma alternativa de tratamento para substituir dentes perdidos. Juntamente com os implantes existem outras opções, tais como as próteses removíveis e as próteses fixas. Contudo, constituem geralmente a opção terapêutica que permite uma reabilitação oral que mais se aproxima da dentição natural em termos fisiológicos e de conforto.

Fonte: Ordem dos Médicos Dentistas

As doenças periodontais são doenças que afectam os tecidos que envolvem e suportam os dentes – periodonto – que incluem, para além da gengiva, o osso alveolar e outras estruturas responsáveis por manter os dentes firmemente implantados nos maxilares. As doenças periodontais dividem-se em dois grandes grupos: as gengivites e as periodontites. Nas gengivites há uma inflamação superficial da gengiva, sendo facilmente tratadas, com recuperação total dos tecidos. Nas periodontites há uma destruição das estruturas mais profundas, com reabsorção do osso, e se não tratadas, podem levar à perda do dente. Geralmente não causam dores, mesmo nos casos mais avançados.

A causa mais frequente das doenças periodontais são bactérias. Na boca existem mais de 300 tipos diferentes e muitas delas são potencialmente lesivas para a gengiva. As bactérias que vivem na boca acumulam-se na superfície dos dentes e no sulco gengival, constituindo a placa bacteriana. Quando as bactérias crescem em número ultrapassando um certo nível, produzem as doenças periodontais.

Fonte: Ordem dos Médicos Dentistas

É a área da medicina dentária que trata as lesões dos dentes, sejam elas causadas por cárie dentária, traumatismo ou outra razão. O tratamento destas lesões é realizado com materiais que substituem a estrutura do dente perdido.

Actualmente as resinas compostas (materiais da cor do dente) são o material estético de eleição para a restauração de dentes posteriores e anteriores, de forma directa e em uma única sessão. Em dentes posteriores poderá ser ainda utilizado o amálgama de prata que é uma liga metálica. Quando as lesões são muito extensas os dentes podem ficar muito destruídos. Nesta situação, a melhor opção de tratamento, com vista ao reforço da estrutura dentária que ainda resta, consiste na execução de prótese fixa. Este tipo de restaurações exige trabalho laboratorial e, por isso, requer mais consultas para a sua conclusão.

Fonte: Ordem dos Médicos Dentistas

O branqueamento dentário profissional é um ato médico que só pode ser realizado por profissionais de saúde oral. Esta restrição é justificada pelos riscos relacionados com a natureza dos produtos branqueadores utilizados. O branqueamento dentário implica a realização de um exame clínico prévio, a aplicação de medidas preventivas operatórias aquando da aplicação ou uso dos produtos de branqueamento pelo utente, para evitar complicações orais e criar condições a tornar o resultado mais eficaz. As orientações e aplicações pelo médico dentista evitam tempos excessivos ou exposições desnecessárias aos produtos de branqueamento, enquanto tratamento. Assim, fica assegurada a ausência de fatores de risco, ou outras doenças orais que não aconselham a realização do branqueamento.

Em princípio, qualquer pessoa com um bom estado de saúde oral pode efetuar um branqueamento dentário. Pacientes com problemas dentários, lesões de cárie, desgastes, sensibilidade dentária e outros podem necessitar de tratamentos prévios, daí a importância do branqueamento dentário ser realizado pelo seu médico dentista. Relativamente à idade, os jovens com menos de 18 anos não podem efetuar branqueamentos. A seleção da técnica a ser usada depende essencialmente das condições clínicas de cada paciente, das suas expectativas e da rapidez de resultados de tratamento pretendidas. O seu médico dentista aconselha-o quanto à técnica mais correta e adequada para si, sempre com base na melhor relação eficácia/segurança.

Fonte: Ordem dos Médicos Dentistas

A endodontia é o ramo da medicina dentária dedicado à patologia da polpa dentária e tecidos que rodeiam as raízes e o seu tratamento. A polpa dentária é o orgão (composto por nervos, vasos sanguíneos, etc.) que se encontra no interior do dente (canal radicular) e é vulgarmente conhecido, embora de forma errada, como “nervo”. Há anos atrás, os dentes com problemas na polpa dentária eram comummente extraídos. Hoje, graças a todos os avanços científicos e tecnológicos, os tratamentos disponíveis podem, quase sempre, salvar estes dentes, mantendo-lhes a função mastigatória e a estética inalteradas.

Normalmente um dente sujeito a tratamento ou retratamento endodôntico não cirúrgico pode durar para toda a vida e nunca mais precisar nova intervenção. Não obstante, em casos pontuais, o dente pode não conseguir curar. O dente pode nestes casos tornar-se doloroso ou doente meses ou mesmo anos após um tratamento aparentemente bem sucedido. Nestas situações, a cirurgia endodôntica pode salvar o dente. Trata-se de uma intervenção cirúrgica para remoção de todos os tecidos inflamados e infectados e da extremidade da raiz, sendo colocado um material selador na parte terminal do canal radicular. A cirurgia apical pode ser realizada com o auxílio de microscópio operatório, que aumenta excepcionalmente a precisão de todos os passos, contribuindo de forma decisiva para o sucesso desta técnica.

Fonte: Ordem dos Médicos Dentistas

A ortodontia é a especialidade da medicina dentária que se dedica à prevenção e correção das más posições dos dentes e dos maxilares.

Todas as crianças devem ter a sua primeira consulta de ortodontia, com o seu médico dentista, por volta dos 6-7 anos de idade, após a erupção dos primeiros dentes definitivos, para avaliar a necessidade de tratamento.

As causas dos problemas ortodônticos podem ser hereditárias (familiares, p. ex. queixo ou dentes salientes do pai ou da mãe), ambientais (hábitos de chupar o dedo, respiração pela boca, perda precoce de dentes de leite) ou uma combinação das duas.

Quais são os benefícios do tratamento ortodôntico?

  • Melhoria estética da face e do sorriso, com o consequente aumento da auto-estima e facilidade de inserção social.
  • Correcto alinhamento dos dentes, tornando possível uma melhor higiene dentária e diminuição do risco de cáries e problemas nas gengivas.
  • Boa função mastigatória, muscular e da articulação dos maxilares com benefícios em termos de saúde e bem-estar geral.

Fonte: Ordem dos Médicos Dentistas

As próteses dentárias são dispositivos que permitem substituir dentes e outras estruturas orais (gengiva e osso) com o restabelecimento da função estética, fonética e mastigatória. Estas dividem-se em próteses removíveis e fixas.

REMOVÍVEIS:

Dividem-se em esqueléticas e acrílicas (parciais ou totais).

A prótese parcial esquelética é uma prótese com uma base metálica individualizada, feita sobre um molde e cujo esqueleto (estrutura) pode apoiar sobre a gengiva e os dentes. A prótese acrílica é construída predominantemente em resina acrílica, e apoia apenas sobre as gengivas, apesar de poder ter partes metálicas pré-formadas em metal para retenção (ganchos) ou redes e barras para reforço

Quais as vantagens e desvantagens de uma prótese esquelética  em relação a uma acrílica?

A prótese esquelética tem a vantagem sobre a prótese acrílica de ser mais resistente e mais higiénica, como é uma prótese com uma base metálica pode também ser de menor espessura do que a acrílica, e por isso ser mais confortável. Ela tem também a vantagem de ter melhor suporte do que a prótese acrílica o que impede o seu afundamento na gengiva. No entanto, tem a desvantagem de envolver orçamentos mais elevados do que as acrílicas, devido aos custos do material utilizado e do procedimento laboratorial.

FIXAS:

A prótese fixa é a restauração parcial ou total da coroa de um dente através de uma prótese que é colocada sobre o dente natural previamente preparado e/ou sobre implantes dentários, não podendo ser removida pelo paciente. Poderá ainda ser utilizada para a substituição de um ou mais dentes perdidos. As próteses fixas podem ser coroas ou pontes e têm como objectivo mimetizar ao máximo a dentição natural do indivíduo. Existem outras formas de prótese fixa que não serão aqui abordadas. A prótese fixa é a opção ideal nos casos em que faltam poucos dentes, não só pelo conforto como pela estética.

IMPLANTES

Entenda como o implante funciona e como fazemos esse tratamento para si

Emegency Care

Sed ut perspiciatis unde omnis iste natus error sit voluptatem accusantium doloremque laudantium, totam rem aperiam, eaque

LEARN MORE

Expert Diagnostics

Sed ut perspiciatis unde omnis iste natus error sit voluptatem accusantium doloremque laudantium, totam rem aperiam, eaque

LEARN MORE

Superb Rehabilitaion

Sed ut perspiciatis unde omnis iste natus error sit voluptatem accusantium doloremque laudantium, totam rem aperiam, eaque

LEARN MORE

Marcar Consulta

Faça o seu pedido e marque a sua consulta enviando mensagem

    NOME *
    EMAIL *
    TELEFONE

    ASSUNTO

    NO QUE PODEMOS AJUDAR?